Empresária morre após ser atingida por portão eletrônico em casa

0
35
Reprodução

Uma empresária de 43 anos morreu após ser atingida pelo portão eletrônico da própria casa, em Rio Verde, no sudoeste goiano. Rivana Ferreira estava abrindo o portão com as mãos no momento em que o cabo de aço arrebentou. Segundo a família, o portão estava com defeito.

O acidente aconteceu na manhã dessa terça-feira (17/10), no Bairro Gameleira 1. Rivana chegou a socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levada para o Hospital Municipal Universitário (HMU), mas não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade de saúde.

De acordo com familiares, a empresária havia saído com a mãe para ir ao supermercado e, ao chegarem em casa, ela estacionou o carro na entrada e desceu para abrir o portão. Os parentes detalharam ainda que ela tentou usar o controle para abrir o portão, no entanto, não conseguiu, em razão do defeito no motor.

A estrutura do portão é basculante, ou seja, ela abre para cima e permanece suspensa na horizontal enquanto está aberta. Com o rompimento do cabo de aço, o portão caiu inteiro sobre a empresária.

Tentativa de reanimação na empresária

Vizinhos correram para ajudar a vítima e chamaram o socorro. Segundo a família, os médicos tentaram reanimar a empresária por cerca de 1h30min.

Rivana era dona de uma loja de roupas no bairro, muito querida na região e faria aniversário no dia 23 de outubro. O Instituto Médico Legal (IML) deve realizar exames no corpo de vítima para identificar a causa da morte, que não foi revelada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui