Cabo Maciel defende apoio ao setor primário para desenvolver Itacoatiara

Foto: Paulo Ferraz
Compartilhe:

A maior demanda apresentada pelas lideranças das comunidades rurais situadas nas regiões do rio Arari, Costa do Amazonas e Rio Urubu, no município de Itacoatiara (a 176km de Manaus), foi relacionado com a falta de apoio e incentivo ao setor primário. O deputado estadual e membro da Comissão de Assuntos Municipais da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), Cabo Maciel (PL), disse na manhã de quarta-feira (23), que dará prioridade à luta dos produtores rurais de Itacoatiara.

Cabo Maciel formalizou expediente junto a Mesa Diretora da Aleam solicitando em forma de indicação ao Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Seinfra) e Secretaria de Produção Rural (Sepror), para construção de poços artesianos e recuperação dos ramais das Vilas de Novo Remanso, Engenho, Lindoia, Rio Arari, Rio Urubu e Costa do Amazonas para que os produtores possam escoar suas produções.

Assistência Técnica

De acordo com Cabo Maciel apesar de a agricultura se constituir num segmento de grande importância para a economia do município de Itacoatiara, ainda é feita de maneira rudimentar pela maioria dos agricultores devido à falta de apoio e incentivo.

O parlamentar defendeu a destinação de recursos através de emendas parlamentares para ser aplicada na mecanização agrícola, além de irrigação e drenagem do solo, para o melhoramento genético animal e vegetal das áreas produtivas que vão ajudar no desenvolvimento do setor agrícola do município de Itacoatiara. Inclusive, com a implantação da casa de farinha mecanizada.