28.1 C
Amazonas
quinta-feira, março 4, 2021

Omar oferece “bicho” de R$ 500 mil aos jogadores do Nacional e ofende torcida do Princesa do Solimões

O ex-governador Omar Aziz, como todo bom palestino acostumado à luta na defesa de um estado independente, deveria saber que não se vence uma batalha sob a influência de surtos piscóticos, atirando a ermo e de olhos vendados para todos os lados. Ou o tiro pode sair pela culatra.

Na pressa de vencer uma batalha que sequer começou, desprezando regras primárias de emboscar o inímigo, no momento certo e oportuno, como fazem os seus patrícios, Omar Aziz declarou guerra a uma torcida aguerrida, valente, armada até os dentes com lança-rojões à base de ovos molotov e outros astefatos para guerrear com o ex-governador no momento que o mesmo por os pés em Manacapuru.

É isso mesmo, a torcida do Princesinha do Solimões está prá lá de Bagdá com Omar que, para fazer média (o termo certo é proselitismo político) com a torcida azul e branco, do consagado Nacional Futebol Clube, prometeu R$ 500 mil de “bicho” para os jogadores do Leão vencerem o campeonato amazonense de futebol.

Fica claro que o blog não faz apologia à violência. Ocorre que Omar, como dizem, atirou a esmo e o tiro saiu pela culatra. E de raspão acabou atingindo a torcida do Princesa.

Resultado. Agora, em Manacapuru, estão querendo fazer uma JIHAD com o “turco” e seu séquito – diga-se de passagem Tororó, o prefeito “pirata”, que chegou em Manacapuru com uma rede poída e uma mochila nas costas cheia de contravenções, e Cia.

 

Related Articles

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fique conectado

FansLike
FollowersFollow
0FollowersFollow

Outras matérias