Show de Luan Santana marcou início da parceria da Fábrica de Eventos com a Procuradoria da Mulher da ALEAM

0
15
Fotos: Miguel Almeida

Realizado no último sábado (13/04), na Arena da Amazônia, o show do cantor sertanejo Luan Santana marcou o início da parceria da empresa Fábrica de Eventos com a Procuradoria Especial da Mulher da Assembleia Legislativa do Amazonas. Mais de 40 mil pessoas foram impactadas pelas duas campanhas exibidas durante o show.

Nos intervalos do show intitulado “Luan City Festival”, a Fábrica de Eventos exibiu vídeos de duas campanhas propostas pela Procuradoria da Mulher. A primeira trata do combate à importunação sexual, com foco nas festas e baladas. A segunda abordou a questão da violência doméstica e familiar, explicando detalhes da Lei Maria da Penha.

“O objetivo dessa parceria com a Fábrica de Eventos é ampliar o alcance das campanhas educativas da Procuradoria e fortalecer o combate a todas as formas de violência contra a mulher. Essa é uma luta permanente e a mensagem precisa chegar a todos os ambientes, inclusive nos shows, festas e baladas”, destaca a deputada estadual Alessandra Campelo (Podemos), Procuradora da Mulher da ALEAM.

Campanhas

Instituída pela Resolução Legislativa 960/2022 e com as atividades iniciadas em março de 2023, a Procuradoria Especial da Mulher da ALEAM prevê, entre suas atribuições, “promover e apoiar pesquisas, estudos, debates, seminários, palestras, audiências públicas, cursos, campanhas educativas, concurso cultural e produção de material informativo sobre combate à discriminação de gênero e à violência contra as mulheres, representação das mulheres na política e valorização da mulher”.

De acordo com a deputada Alessandra Campelo, a parceria com a Fábrica de Eventos terá, além da exibição de campanhas nos shows, treinamentos para as equipes que prestam serviços para a empresa nos espetáculos.

“A Fábrica de Eventos, que é uma empresa amazonense liderada por mulheres, é um exemplo de responsabilidade social por entender que a defesa das mulheres é um compromisso de todos – poder público, empresas privadas e sociedade civil”, enfatizou a parlamentar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui