Grupo invade sítio e mata casal a tiros no AM; terceira vítima sobrevive e fica com bala alojada na cabeça

Um grupo armado invadiu um sítio, em Novo Airão, no Amazonas, na madrugada desta terça-feira (21), e matou um casal a tiros. Uma terceira vítima, um homem de identidade não divulgada, sobreviveu ao atentado, mas ficou com uma bala alojada na cabeça.

O corpo da mulher, que tinha 31 anos, foi encontrado em um carro abandonado, no quilômetro 28 da rodovia AM-352, nas proximidades do município de Novo Airão. Segundo a Polícia Militar, o marido dela foi assassinado no sítio.

A mulher foi baleada no veículo. Uma terceira pessoa, que sobreviveu ao ataque, também estava no carro.

O veículo, que estava com várias marcas de tiros, foi encontrado por outros motoristas que passavam pela rodovia na manhã desta terça. O corpo da mulher estava no banco de trás.

Horas depois, o sobrevivente chegou ao hospital da cidade andando. Vestindo apenas uma cueca, o homem estava ensanguentado e com uma bala alojada na cabeça.

A Polícia Militar chegou ao local e isolou a área.

Segundo o relatório do Instituto Médico Legal, a mulher foi atingida por tiros de arma de fogo na cabeça. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros vai investigar o caso.

Ataque

De acordo com informações da Polícia Militar, homens armados invadiram o sítio, localizado em um ramal do km 28 da AM-352, em Novo Airão, na madrugada desta terça-feira.

O grupo assassinou o marido da mulher no sítio. Após a execução, os criminosos levaram a mulher e o homem que sobreviveu para a rodovia.