Mulher é resgatada de cárcere privado após filho esfaquear suspeita do crime e ser detido em Manaus

0
41
Foto: Divulgação/PC-AM

Uma mulher, que não teve a identidade revelada, foi resgata do cárcere privado após o filho dela esfaquear a suspeita do crime e ser detido em Manaus. A vítima apresenta problemas mentais e estava sob os “cuidados” da suspeita.

O caso aconteceu na sexta-feira (17), no bairro da Paz, Zona Centro-Oeste de Manaus. Segundo a delegada Débora Mafra, da Delegacia da Mulher, a vítima estava em trancada em um quarto, sem comida, água e ventilação.

“Ela estava deitada em um colchão no chão. Ela sem comida, sem ventilação, molhada pela própria urina e com muito medo da autora, com receito de deixar a casa”, disse a delegada.

De acordo com a advogada Amanda Maia, conselheira do Instituto “Das Manas”, o caso veio à tona após um adolescente de 16 anos esfaquear a autora dos crimes. O menino foi detido e na delegacia contou que a mulher, até então vítima, mantinha sua mãe em cárcere privado e também havia abusado sexualmente dele.

“A partir daí, a psicóloga e a assistente social que acompanharam esse adolescente durante o interrogatório, foram até a casa indicada por ele, onde essa mulher mantinha a mãe dele presa, e descobriram toda a situação. Ela também maltratava a irmã do adolescente, de apenas sete anos”, contou.

A advogada também falou que a suspeita dos crimes ainda tentou tirar o adolescente da delegacia, mas foi detida:

“Quando essa mulher soube que o menino continuava preso, o menino que ela abusou, estuprou, que ela obrigou a fazer sexo oral nela, ela foi até a delegacia tentar soltá-lo. Só que como já havia uma ordem de prisão para ela em razão dos crimes que ela havia cometido, ela ficou presa. Mas na audiência de custódia ela foi solta”.

Na casa onde a vítima foi resgatada, também foram encontrados animais em situação de abandono. O instituto deve fazer o resgate dos bichos nesta segunda-feira (20).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui