Marina Ruy Barbosa desabafa: “Por que essa obsessão por ferir alguém?”

0
43
Reprodução/Instagram

Marina Ruy Barbosa usou as redes sociais, na noite desta quinta-feira (16/11), para fazer um desabafo a respeito dos comentários que tem recebido. A atriz contou que foi chamada de “horrorosa” em uma foto que publicou recentemente, além de ler coisas afirmando que ela estava “magra demais”.

“Acabei de chegar da gravação e vim falar um pouquinho com vocês sobre um assunto que… Enfim, muita gente pode falar: ‘nossa, que coisa fútil’, ‘por que ela está falando disso?’, ‘que desnecessário’, porque é sempre assim. Sempre vai ter alguém diminuindo sua opinião, o que você está falando, e levando para um outro lugar. Dane-se, estou afim de falar”, começou dizendo.

Marina continuou: “Diversas vezes, eu me deparo com posts e com comentários que são comparativos entre duas mulheres, entre duas pessoas públicas e até mesmo comparações da mesma pessoa em momentos diferentes e idades diferentes. Gente, isso é tão cruel, isso é tão pequeno. Por que essa obsessão por diminuir ou ferir a autoestima de alguém ficou engraçado ou positivo?”, questionou.

A artista ainda destacou como essas críticas são tóxicas. “Não importa a idade, a profissão, como ela se veste… nada. Tem sempre muitas críticas à aparência física de qualquer mulher. Isso é tóxico, porque as pessoas estão deixando de ser aquilo que elas são, de se vestirem, de se pentearem ou de se posicionarem da forma como elas gostam e se sentem bem por conta desses comentários”, falou.

Marina Ruy Barbosa, que está no ar em Fuzuê com a personagem Preciosa, também alertou sobre como os comentários maldosos na web podem afetar o emocional de uma pessoa.

“O tribunal da internet está sempre questionando e problematizando qualquer coisa”, disparou. “Se a pessoa não tem uma estrutura, se não está em um momento bom de cabeça, de saúde mental, isso pode ser extremamente perigoso. E o que eu acho mais problemático é que muitas vezes esses comentários vêm de outras mulheres. Para quê? Deixa cada um viver a sua vida”, finalizou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui