Adolescente que caiu de roda gigante no Amazonas segue internada e começou a fazer fisioterapia

0
19

Júlia Mapurunga Ferreira, a adolescente de 13 anos que caiu de um roda gigante no município de Rio Preto da Eva, no Amazonas, está internada há quase uma semana. Nesta segunda-feira (6), o pai da jovem informou que ela começou a fazer fisioterapia.

A adolescente está internada em Manaus desde a terça-feira passada, 31 de outubro. A amiga dela, uma menina de 11 anos, também ficou ferida, ao saltar da roda gigante em movimento. No entanto, a amiga recebeu alta logo após o atendimento médico.

Raimundo Claudinei, pai de Júlia, contou que a filha segue internada no Hospital e Pronto-Socorro Infantil João Lúcio, na Zona Leste de Manaus. A unidade é especializada em fraturas e outros tratamentos envolvendo vítimas de acidentes.

Segundo Claudinei, a filha começou a fisioterapia e, diariamente, tem sido submetida a exames de sangue e raio-x da bacia e das pernas.

“É difícil você estar aqui no hospital pelo lado de fora e não poder estar junto sabendo o que está acontecendo com a sua filha lá dentro. Passei os três primeiros dias aqui fora do hospital. Não consigo ir pra casa e também não consigo comer. Graças a Deus, ela está melhorando e estamos aguardando”, contou o pai.

Na semana passada, Raimundo Claudinei afirmou que irá processar o parque pelo acidente que deixou a filha e a amiga dela feridas.

“Vou esperar ela chegar em casa e, depois, tomar as medidas cabíveis juntamente com os órgãos competentes do nosso município [de Rio Preto]”.

Acidente

O acidente aconteceu na terça-feira passada, 31 de outubro, em uma parque de diversões instalado no Centro de Eventos de Rio Preto da Eva, cidade a 57 quilômetros de Manaus.

Dezenas de pessoas estavam no local no momento do acidente.

Segundo testemunhas, as duas adolescentes estavam na roda gigante, quando a trava de segurança da cadeira se rompeu. A cadeira se abriu, e a adolescente de 13 anos caiu. A menina de 11 anos ficou pendurada, mas decidiu saltar do brinquedo em movimento.

Na queda, a adolescente 13 de anos machucou a região da bacia. A menina mais nova teve ferimentos leves.

As duas foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), ainda no parque de diversões. Depois, foram encaminhadas para o hospital de Rio Preto da Eva e, em seguida, transferidas para a capital.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, o proprietário do parque recebeu orientações e o local foi interditado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui