Dupla é condenada por matar homem na frente do filho no DF

0
34
Getty Images

Dois homens foram condenados nessa quinta-feira (26/10) por homicídio duplamente qualificado cometido em 2022. A decisão foi do Tribunal do Júri de Taguatinga, que condenou Thiago Alves Carvalho a 23 anos de prisão e Kaio Roger Kaywan Ferreira Lacerda a 12 anos.

A dupla cumprirá pena pelo assassinato de Fellipe Cavalcante de Sousa. O crime aconteceu na noite do dia 6 de junho de 2022, em uma praça de Taguatinga.

Segundo o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), Thiago estava acompanhado de Kaio e atirou diversas vezes contra Fellipe. O filho da vítima estava presente e viu o pai ser morto.

A denúncia do MPDFT foi acolhida pelo tribunal, que considerou que o crime foi cometido por motivo fútil e com recurso que dificultou a defesa da vítima.

Thiago já tinha condenações criminais em trânsito e cometeu o novo crime quando deveria estar em prisão domiciliar, aumentando a gravidade do crime.

A presença de uma criança no local do crime também agravou a pena. O juiz-presidente do Júri declarou que “severos danos psicológicos foram causados em razão do fato da obrigação de presenciar o ocorrido”.

A dupla cumprirá regime inicial fechado e não poderão recorrer da sentença em liberdade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui