Roberto Cidade destaca atuação do Governo Federal, mas reforça necessidade de planejamento prévio para cheia e vazante no Amazonas

0
22
Foto: Joel Arthus

“Nenhum ente federativo tem autonomia para agir sozinho em uma situação limite como a que estamos vivendo, por isso é tão importante essa junção de esforços, dos governos Federal, Estadual e municipais, para que possamos ajudar efetivamente a população do Amazonas, que tanto sofre neste momento crítico de estiagem”.

Esse foi o apelo e o agradecimento do presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado estadual Roberto Cidade (UB), durante a solenidade que oficializou o repasse de mais R$ 100 milhões, oriundos do Ministério da Saúde, com a presença da titular da pasta, ministra Nísia Trindade.

Além de ressaltar os auxílios que vêm sendo enviados ao Amazonas, para que o Governo Estadual administre os impactos da estiagem e dos incêndios florestais, o presidente da Aleam requisitou que seja pensado um planejamento para esses eventos que, anualmente, atingem o Estado.

“É uma honra receber uma ministra que vem para trazer soluções. Temos uma tabela de recursos liberados, mais de R$ 100 milhões, que vão para o interior e que, com certeza, vão ajudar muito neste momento que estamos vivendo no Amazonas. Esse recurso é importante, porém precisamos de mais, precisamos de muito apoio do Governo Federal, precisamos que venham mais recursos. Quem conhece o interior sabe das dificuldades que passamos todos os anos. Esta seca neste ano veio mais forte, entretanto todos os anos a gente passa por isso. Precisamos ter um planejamento para os próximos anos, tanto para cheia quanto para vazante. Nós, deputados estaduais, estamos à disposição para colaborar, para contribuir e unirmos forças pelo bem do Amazonas”, finalizou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui