SSP-AM prende 20 pessoas nas últimas 24 horas em quatro municípios do estado

0
34
FOTOS: Divulgação/SSP-AM

Vinte pessoas foram presas e dois adolescentes apreendidos em ações da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), por meio da Polícia Militar do Amazonas (PMAM). As prisões e apreensões, efetuadas nas últimas 24 horas, foram registradas em Manaus e no interior do estado. Também ocasionando em apreensão de drogas, armas de fogo.

Conforme o relatório do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), as prisões e apreensões ocorreram nos bairros centro (zona sul), compensa (zona oeste), Tancredo Neves (zona leste), Cidade Nova (zona norte) e Aparecida (zona sul) de Manaus, e nos municípios de Iranduba, Manacapuru e São Sebastião do Uatumã.

A maioria das prisões ocorreu por suspeita de envolvimento dos presos em crime como o tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo, lesão corporal e cumprimento de mandado de prisão.

Capital

Por volta das 17h, de terça-feira (03/10), dois adolescentes, de 14 e 16, foram apreendidos por policiais militares da 14ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), no bairro Tancredo Neves, zona leste, por ato infracional análogo ao crime de porte ilegal de arma de fogo. Após abordagem, a polícia encontrou com a dupla uma arma de fogo, um cartucho, uma porção de maconha e um rádio comunicador.

Os adolescentes juntamente com os materiais foram encaminhados para o 14º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Ainda no bairro Centro, zona sul, policiais das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam), prenderam um homem, de 41 anos, e uma mulher, de 28 anos, por porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas. As prisões ocorreram durante operação da SSP-AM. Com os suspeitos foram encontradas um revólver, com cinco munições, quatro porções de oxi e R$ 150 em espécie. Os suspeitos foram encaminhados para o 24º DIP.

Interior

No município de Iranduba (a 27 quilômetros de Manaus), por volta das 23h, de terça-feira, dois homens, de 26 e 30 anos, foram presos por policiais militares, suspeitos de tráfico de drogas e ameaça.

As prisões ocorreram após uma denúncia informar que, na Rua Anamã, bairro Novo Amanhecer, um grupo estava vendendo drogas e ameaçando os comunitários.

A Polícia Militar foi até o local e quando os suspeitos viram aproximação dos policiais, saíram em fuga. No entanto, as equipes conseguiram prender dois dos suspeitos. Durante a revista, foi encontrada e apreendida uma arma de fogo, uma balança de precisão, uma porção de maconha, uma porção de oxi e três porções de cocaína.

Os suspeitos foram direcionados para a 31ª Delegacia Interativa de Polícia de Iranduba.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui