TRE determina retirada de câmera instalada em frente ao comitê do PMDB

0
501

O juiz Márcio Meirelles de Miranda, auxiliar do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas, determinou nesta segunda-feira, 28, ao governador e candidato à reeleição, José Melo (PROS), assim como ao secretário de Segurança, Paulo Roberto Vital, e o diretor do Centro Integrado de Operações de Segurança, George Chaves, que retirem, em até 24 horas, a câmara localizada a frente da Manaus Show Clube”, na Avenida Max Teixeira, Cidade Nova.
O magistrado acatou a tese de “espionagem” em Ação Cautelar Preparatória de Representação interposta “Renovação e Experiência”, do senador Eduardo Braga (PMDB), candidato ao governo do estado. Meirelles determinou ainda multa de R$ 100 mil por dia em caso de descumprimento da decisão judicial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui