Nepotismo invade governo José Melo

0
600

Os aéticos da política advogam que “feio é perder”, ou que se pode “fazer o diabo” em campanha eleitoral para ganhar. Assim, prseguindo essa lógica infernal, a esposa do secretário da Sejel, Gláucia Maria Munes Ditzel, foi nomeada, conforme decreto de 23 de maio, assinado pelo governador José Melo, assessora na Vila Olímpica.

Nepotismo puro. Aaliás, iniciado com o próprio irmão do governador.

Melo quer aproveitar a oportunidade que teve de sentar na cadeira de governador, num desses golpes de sorte que apenas Machiavel foi capaz de prever, ou seja, Melo se aferra ao Poder como craca nos costados dos navios.

Se Melo não for contido ele vai acabar com o Estado. Vai entregar para o seu sucessor apenas os esqueletos que está empurrando para dentro dos armários.

Ele ataca os cofres públicos e faz uma ação entre amigos com tamanha desfaçatez por que sabe que nenhum órgão na estrutura do Estado vai impedi-lo.

Ele age como gafanhotos ou saúvas. Come folhas-de-pagamentos e leva as finanças públicas para o beleléu, deixando atrás de si o dilúvio. Mal comparando, faz como Luiz XIV: “Après moi, le déluge” (após mim, o dilúvio).

foto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui