Atraso em seis obras do PAC causa prejuízo de R$ 28 bilhões

0
444

A demora do governo em concluir no prazo obras de infraestrutura de seis projetos incluídos no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) causou um prejuízo de R$ 28 bilhões à sociedade, valor próximo do estimado que será gasto na realização da Copa do Mundo, de acordo com informações publicadas pelo jornal O Estado de S. Paulo. Segundo a Confederação Nacional da Indústria (CNI), a análise leva em conta o custo de oportunidade dos projetos, que verifica o dinheiro público aportado nas obras que ainda não gerou benefícios.

Para a CNI, a dificuldade em administrar megaprojetos não é exclusividade do Brasil, mas os prazos estourados se tornaram praticamente uma regra. As obras analisadas foram o aeroporto de Vitória, um projeto de esgotamento sanitário em Fortaleza (Bacia do Cocó), a transposição do Rio São Francisco, a Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol), a duplicação da BR-101 em Santa Catarina e as linhas de transmissão das usinas do Rio Madeira. A confederação também afirma que, se o País quiser aumentar a sua produtividade econômica, deveria intensificar o programa de concessões em infraestrutura.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui