Crimes sexuais contra menores serão julgados em Maués

0
460

A 2ª Vara da Comarca de Maués (a 257 quilômetros de Manaus) realizará, de 17 a 21 de março, um mutirão para julgar processos de crimes sexuais contra crianças e adolescentes.

A meta é zerar a instrução criminal de processos de delitos contra a dignidade sexual da criança e adolescente, segundo o juiz de Direito Jean Carlos Pimentel dos Santos, titular da 2ª Vara da Comarca de Maués.

De acordo com o magistrado, o problema vem sendo discutido por autoridades e membros da sociedade civil do município. No último dia 28 de fevereiro, eles se reuniram e pontuaram as dificuldades, traçaram medidas preventivas, investigativas e de efetivo combate a este crime específico.

Participaram da reunião membros do Ministério Público local, Poder Judiciário, Defensoria Pública, da Prefeitura de Maués e Câmara dos Vereadores, que à unanimidade apoiaram a reunião, além de representantes do Conselho Tutelar, Polícias Civil e Militar, diretores de escolas e da comunidade.

A mobilização em Maués ocorre no momento em que a mídia vem mostrando denúncias de casos de pedofilia no município de Coari, interior do Amazonas. Diante disto, “o Município de Maués se antecipou e se uniu para realizar o efetivo combate a esse mal que assola as famílias”, disse o juiz Jean Pimentel.