3ª vítima de enfermeiro estuprador o se apresenta à polícia

0
576

Uma mulher se apresentou ao 3º Distrito Integrado de Polícia (DIP), em Manaus, nesta quarta-feira, e afirmou ter sido estuprada pelo enfermeiro Ronaldo Augusto Ferreira de Souza, 42 anos. Ele foi preso na tarde de terça-feira em cumprimento a um mandado de prisão preventiva expedido pela Justiça do Amazonas e é suspeito de ter estuprado ao menos duas pacientes.

A mulher, de 24 anos, seria uma suposta terceira vítima do enfermeiro. Ela afirmou que há três anos se consultava com o enfermeiro, e que, no último atendimento, em junho de 2013, ele teria trancado a porta do consultório e aberto o zíper da calça. Na ocasião, ela disse que começou a gritar e conseguiu sair da sala.

Segundo as vítimas, os abusos sexuais aconteciam em uma sala da Unidade Básica de Saúde (UBS) Lourenço Borghi, localizada no bairro do Japiim, na zona sul de Manaus Foto: Márcio Azevedo / Especial para Terra
Segundo as vítimas, os abusos sexuais aconteciam em uma sala da Unidade Básica de Saúde (UBS) Lourenço Borghi, localizada no bairro do Japiim, na zona sul de Manaus

A mulher afirmou também que procurou a ex-diretora da Unidade Básica de Saúde (UBS) Lourenço Borghi, localizada no bairro do Japiim, na zona sul de Manaus, onde trabalhava o enfermeiro acusado. Segundo a suposta nova vítima, porém, a funcionária se limitou a dizer que era a palavra da denunciante contra a do profissional, e que Ronaldo era amigo de infância dela e não acreditava no crime.

Ronaldo está preso na Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde aguarda julgamento. As investigações devem continuar para saber se mais mulheres foram vítimas dele. A ex-diretora da UBS será intimada a comparecer à delegacia para prestar esclarecimentos. A data do depoimento será agendada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui