“Só porque sou bonita eu sou condenada a ser prostituta? indaga Luciane Hoepers

0
1964

Suspeita de cooptar prefeitos para um esquema de lavagem de dinheiro e má gestão de recursos de entidades previdenciárias públicas, a modelo Luciane Hoepers, 33 anos, é a mais nova integrante da lista de beldades envolvidas em escândalos na política brasileira.
Segundo a Polícia Federal, a ex-musa do Avaí, que já participou de ensaios sensuais e programas de televisão, se aproximava de prefeitos na tentativa de garantir a aplicação de recursos para o esquema.

Presa na Operação Miqueias da Polícia Federal na semana passada, a modelo e agente de investimentos Luciane Hoepers negou que oferecia vantagens indevidas a prefeitos e disse que apenas negociava investimentos.

Em entrevista ao Fantástico deste domingo, Hoepers se disse vítima de preconceito por ser bonita.

“Só porque sou bonita eu sou condenada a ser prostituta? Só porque sou bonita eu não tenho capacidade para convencer que o instituto de previdência possa investir num fundo que está sendo mais rentável? Se tiver alguma escuta que coloque eu como prostituta, cobrando ou me oferecendo para ir para a cama, que a delegada solte e comprove. Esse preconceito que há no Brasil”, declarou.
andressa
Dona de uma sex shop e loja de lingerie em área nobre de Goiânia (GO), a empresária Andressa Mendonça ficou nacionalmente conhecida por ser a mulher do bicheiro Carlinhos Cachoeira, condenado a a 39 anos de prisão pelos crimes de peculato, corrupção, violação de sigilo e formação de quadrilha na Operação Monte Carlo. A condenação ocorreu em 2012, oito anos após a divulgação de um vídeo em que Waldomiro Diniz, assessor do então ministro da Casa Civil, José Dirceu, lhe pedia propina. O escândalo culminou na CPI dos Bingos e na revelação do esquema de pagamento de parlamentares que ficou conhecido como mensalão

denise

Assessora parlamentar do senador Ciro Nogueira (PP-PI), a advogada Denise Leitão Rocha foi demitida em 2012 depois que um vídeo em que ela aparecia fazendo sexo caiu na internet. A tarefa da “Furacão da CPI”, como foi apelidada, era acompanhar o andamento das comissões que Nogueira integrava, entre elas a CPI do Cachoeira. Depois de ser exonerada, ela participou do programa A Fazenda, da Rede Record
monica
A jornalista e apresentadora de televisão Mônica Veloso tornou-se nacionalmente conhecida em 2007 por ter sido amante do presidente do Senado, Renan Calheiros, e ter um filho com ele. O romance quase custou o cargo de Calheiros após denúncias de que um lobista pagava o aluguel de R$ 4,4 mil mensais de um apartamento onde morava a jornalista com as duas filhas e R$ 12 mil mensais de pensão para a filha de Renan. Com o estouro do caso, para não ser cassado, Renan renunciou à presidência do Senado. Mônica lançou um livro posteriormente, onde contou detalhes de seu envolvimento com Renan Calheiros

flavia
Ex-primeira dama do Distrito Federal, Flávia Péres foi para a TV Band apresentar a previsão do tempo no Jornal da Noite. Ela é mulher do ex-governador José Roberto Arruda, que amargou temporada na prisão e teve seu mandato cassado pelo TRE em 2010 depois do escândalo do mensalão do DEM. Formada em Educação Física, ela virou celebridade em Brasília devido à sua beleza
camilla
Camilla Amaral ficou conhecida durante a CPI do Mensalão, em 2005, quando fazia a assessoria de imprensa da senadora Ideli Salvatti (PT-SC). Em meio ao assédio, acabou trocando o emprego no gabinete de Ideli por um contrato para posar nua.

 

fonte – terra

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui