Deputado Ricardo Nicolou pode ser investigado pela Assembleia Aleam

0
609

Líder do PMDB na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), o deputado estadual Marcos Rotta (PMDB) sugeriu, na manhã desta quinta-feira (4), que os 23 parlamentares da Casa assinem o pedido para apuração de denúncias contra o ex-presidente Ricardo Nicolau e mais seis servidores da Assembleia.

Na avaliação de Rotta, uma vez atestada pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Aleam a ilegitimidade do Instituto Amazônico da Cidadania (IACi) em solicitar a abertura de uma investigação interna contra o ex-presidente e os servidores, os deputados devem dar uma oportunidade aos citados, para que eles possam se defender das acusações.

Ricardo Nicolau e outros seis servidores da Aleam foram denunciados por desvio de recursos da obra do edifício-garagem pelo Ministério Público do Estado (MPE-AM) ao Tribunal de Justiça (TJ-AM).

“Como já existem manifestações na Casa e, pelo fato de bastar apenas a assinatura de um parlamentar para que seja aberto o processo de investigação, acredito ser coerente que a Assembleia, os 23 deputados possam garantir aos acusados a oportunidade de defesa”, justificou Rotta.

Na avaliação de Rotta, a abertura de um processo investigatório no seio da comissão garantiria ao ex-presidente o direito do contraditório.

Para o peemedebista, a Casa precisa compreender esse momento, o qual carece, urgentemente, de um posicionamento de um ou de todos os parlamentares da Assembleia.

“A mim é constrangedor subir a tribuna para tratar deste assunto, como tenho certeza que o é a todos os pares. Mas precisamos nos posicionar.

A Assembleia não pode de maneira nenhuma ‘cruzar os braços’ diante do que está acontecendo e a abertura de um processo talvez seja o caminho mais adequado para que os denunciados possam apresentar aos parlamentares e à Comissão de Ética as suas respectivas defesas”, completou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui