24.4 C
Amazonas
domingo, abril 18, 2021

Sampaoli é denunciado no STJD por presença em Atlético-MG x Flamengo; gancho pode chegar a seis jogos

O técnico Jorge Sampaoli, do Atlético-MG, foi denunciado pelo STJD, por conta de atitudes tomadas na partida contra o Flamengo. O argentino estava suspenso pelo terceiro cartão amarelo e, mesmo assim, esteve presente no estádio.

Para piorar a situação do comandante do Galo, ele foi flagrado falando ao telefone em um dos camarotes do Mineirão. De acordo com a Procuradoria da Justiça Desportiva, ele ainda trocou informações nesta ligação com Diogo Alves, integrante da comissão técnica e que também foi denunciado pelo STJD.

A alegação para a uma possível punição de Sampaoli está no protocolo da CBF para as competições realizadas durante a pandemia. A entidade controla a entrada de pessoas e apenas 50 profissionais de cada clube podem exercer suas funções durante o jogo.

Como estava suspenso, Sampaoli não poderia estar no estádio, como previsto no artigo 47, parágrafo 5º do Regulamento Geral das Competições de 2020.

Para a procuradoria, o Atlético-MG tentou de forma transversa escalar o técnico suspenso para que o comandante pudesse ter acesso ao estádio, auxiliasse a comissão técnica e desse até gritos para o gramado, colocando em dúvida o cumprimento do protocolo.

“O fato é: Jorge Sampaoli estava no estádio passando orientações. A prova de vídeo é inegável. Portanto, restam duas hipóteses: (a) ele estava na delegação; ou (b) ele não estava inscrito na delegação. Caso a primeira se confirme, restará configurada uma ofensa gravíssima à estabilidade do regulamento geral de competições, visto que o clube não observou a regra de suspensão do seu comandante. Tal fato é grave porque quebra a paridade técnica ao permitir que o treinador influencie no resultado do jogo passando instruções quando deveria estar afastado do desempenho de suas funções. É uma interferência indevida e ilegal, ferindo de morte a paridade de armas e tornando inócuo todo o ordenamento de sanções disciplinares”, destacou a denúncia da Procuradoria. Com informações de ESPN.

Related Articles

Fique conectado

FansLike
FollowersFollow
0FollowersFollow

Outras matérias