28.4 C
Amazonas
quinta-feira, setembro 16, 2021

CBF pede e Fifa pode punir clubes que não liberaram atletas ao Brasil

Os clubes ingleses que não liberaram atletas brasileiros convocados por Tite para a Seleção Brasileira para a disputa da rodada tripla de setembro das Eliminatórias para a Copa do Mundo do Catar podem ser punidos. Essa medida também vale para o Zenit, da Rússia, por ter pedido o retorno de Claudinho e Malcom quando eles já treinavam em São Paulo com o grupo.

Contrariada, a CBF pediu à Fifa que puna Chelsea, Liverpool, Manchester City, Manchester United e Leeds United, além do Zenit, por terem se recusado a liberar os jogadores para as Eliminatórias. A informação sobre a sanção ao clube russo foi dada pelo jornalista brasileiro Fábio Aleixo, radicado em Moscou.

O regulamento da Fifa indica que há obrigação de cessão de atletas para as seleções nacionais. Caso isso não aconteça, eles ficam impedidos de entrar em campo por cinco dias após a Data Fifa, que, neste caso, termina nesta quinta-feira (9/9).

Na prática, os clubes ingleses em questão e o Zenit podem ficar proibidos de escalar esses jogadores até terça-feira, dia 14, da próxima semana. Os jogadores impactados devem ser Alisson, Fabinho e Roberto Firmino (Liverpool), Ederson e Gabriel Jesus (Manchester City) Thiago Silva (Chelsea), Fred (Manchester United), Raphinha (Leeds United), Claudinho e Malcom (Zenit).

Thiago Silva, Fred, Claudinho e Malcom, inclusive, perderiam jogos da Liga dos Campeões na próxima terça-feira (14/9), dia em que o Chelsea recebe o Zenit em Londres e o Manchester United visita o Young Boys na Suíça.

A CBF tem bom relacionamento com o Everton desde a liberação de Richarlison para a disputa da Olimpíada de Tóquio. Portanto, o atacante não deve desfalcar o seu clube, que não receberá uma sanção.

 

Related Articles

Fique conectado

FansLike
FollowersFollow
0FollowersFollow

Outras matérias