21.9 C
Amazonas
quinta-feira, março 4, 2021

Em Coari, povo vai às ruas e pede justiça ao ex-prefeito preso Adail Pinheiro

O ex-prefeito de Coari Adail Pinheiro, preso desde de fevereiro do ano passado em Manaus, mostrou ontem (12) no município que ainda tem força e muita força mesma, quando cerca de oito mil pessoas foram às ruas de Coari pedir justiça para o caso dele.

Há duas semanas uma série de notícias veiculadas nos blogs e sites da capital amazonense mostram reportagens de supostas testemunhas afirmando que foram pagas para incriminar o ex-chefe do executivo municipal pelo grupo do atual prefeito Raimundo Magalhães.

O protesto pacífico foi organizado pelo Movimento Justiça Já, com apoio de diversas entidades sociais do município, como a União Municipal dos Estudantes de Coari (Umec), Sindicato dos Mototaxistas, Associação Mulheres Guerreiras e Observatório Social de Coari (OSC).

coari protesto

 

Precipitado e revelando extremo medo, o prefeito Raimundo Magalhães solicitou força policial de Manaus temendo atos violentos, mas perdeu tempo e dinheiro público para trazer e manter a tropa na cidade.

A concentração da população começou por volta das 16 horas, no estacionamento do Centro Cultural Carlos Braga, de onde partiu em caminhada/carreata pelos bairros de Santa Efigênia, Itamaraty, Chagas Aguiar, Duque de Caxias, Centro e Espírito Santo, alcançando a praça de Santo Afonso, onde a coordenação agradeceu a presença de todos.

Gente de todas as idades e de inúmeras comunidades rurais, mais próximas da zona urbana, marcaram presença desde a concentração até o princípio da noite, quando o ato foi encerrado. Com todas as dificuldades encontradas – desde o gerador de energia que quebrou, até as ruas bloqueadas a mando do prefeito, a comissão organizadora fez um balanço positivo do ato público e prepara outro para uma breve data.

Reforço policial

O Prefeito de Coari, Raimundo Magalhães, solicitou, na última sexta-feira (11), ao secretário de Segurança Pública do Amazonas, Sérgio Fontes, reforço policial para o município, durante reunião na sede da SSP-AM.

De acordo com o prefeito, desde o início da semana foram anunciadas manifestações violentas por meio das redes sociais, mas a manifestação realizada, ontem (12), foi pacífica.

 

Related Articles

Fique conectado

FansLike
FollowersFollow
0FollowersFollow

Outras matérias