23.9 C
Amazonas
segunda-feira, maio 17, 2021

Desembargador Jorge Lins concede liberdade a socialite Marcelaine

O desembargador Jorge Manoel Lopes Lins, plantonista do Tribunal de Justiça do Amazonas, concedeu na tarde desta sexta-feira liberdade provisória a socialite Marcelaine Santos Schumann, mas com a aplicação das medidas cautelares e das mesmas condições estabelecidas em decisão anterior, ela será monitorado 24 horas através de uma tornozeleira eletrônica.

Marcelaine é acusada de planejar a morte da rival em um triângulo amoroso, a estudante Denise Almeida da Silva, baleada em novembro do ano passado quando saía da academia Cheik Clube no Centro de Manaus. As duas tinha um caso com o empresário Marcos Souto, apontado pela polícia como pivô do crime.

Na manhã desta sexta-feira o juiz Mauro Antony, 3ª Vara do Tribunal do Júri de Manaus, após aceitar denúncia do Ministério Público Estadual, decidiu que a tentativa de homicídio será levada a Júri Popular.

Também são acusadas de participar da tentativa de homicídio contra Denise, Rafael Leal dos Santos, de 25 anos, o “Salsicha”, apontado como o atirador; Charles Lopes Castelo Branco, 27, o “Mc Donald”, responsável por negociar o crime; Karen Arévalo Marques, 22, quem conseguiu a arma de fogo; e o vigilante Edney Costa Gomes, que intermediou as negociações entre Marcelaine, Charles e Rafael.

Related Articles

Fique conectado

FansLike
FollowersFollow
0FollowersFollow

Outras matérias