21.9 C
Amazonas
quinta-feira, março 4, 2021

Adail Pinheiro é condenado pelo TCE a devolver R$ 50 milhões aos cofres públicos

Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM), reprovou nesta quarta-feira, 28, as contas do ex-prefeito e ordenador de despesas do município de Coari, Adail Pinheiro, referente ao ano de 2013.
Por conta disso, o ex-prefeito Adail Pinheiro terá de devolver aos cofres públicos, entre multas e glosa, cerca de R$ 50 milhões. O prazo para devolução é de 30 dias, podendo o gestor ainda recorrer da decisão.
O relator do processo, conselheiro Érico Desterro, determinou ainda que o processo fosse encaminhado ao Ministério Público do Estado do Amazonas para as devidas providências, em face dos indícios de improbidade administrativa por parte do gestor.
As contas de Adail foram reprovadas por unanimidade, pelo colegiado, que seguiu o voto do relator do processo, conselheiro Érico Desterro.
Entre as irregularidade apontadas pelo Ministério Público de Contas e pelo técnicos do TCE,  estão a não justificativa de despesas celebradas sem processo administrativo, com relação a aluguel de imóveis, que totalizam R$ 4 milhões; não comprovação de gastos com diárias de servidores; e a não justificativa do gasto de R$ 3 milhões em despesas com aluguel de canoas.

Related Articles

Fique conectado

FansLike
FollowersFollow
0FollowersFollow

Outras matérias